Notícias

  • 26/03/2012

    Fringe em Pauta

    Entre os dias 30, 31 e 01 de abril, a mostra Fringe será tema de discussões entre estudiosos convidados pelo projeto Debates Vivo EnCena, que passa por Curitiba durante o Festival de Teatro. Durante os três dias de debates os amantes das artes cênicas poderão conhecer mais sobre os movimentos artísticos e culturas e ampliar o conhecimento sobre o tema. O projeto tem objetivo de estimular o encontro de artistas e estudiosos que participam da elaboração de uma obra cênica com autonomia de criação em contato com as diversas dinâmicas, tornando mais acessível o diálogo.

     

    Por meio de palestras e mesas redondas sobre espetáculos, o projeto estimula o acesso ao conhecimento, reflexão e transformação, e já passou por São Paulo, Belo Horizonte e Recife.

     

    Os encontros acontecem no Memorial de Curitiba, no espaço lounge da Vivo com mediação e curadoria de Expedido Araújo, curador nacional do Vivo EnCena e pesquisador cultural. Além dele, estudiosos em sustentabilidade, gestão cultural, economia criativa e sociedade em rede estarão na capital paranaense para o evento.

     

    Programação

    Dia 30/03, às 17h: "Prognósticos da Contemporaneidade para o Teatro".

    Com Ana Carla Fonseca, consultora, palestrante internacional e autora de vários livros referenciais em economia criativa; Luis Fernando Guggenberger, gerente da área de Debates e Conhecimento da Fundação Telefônica e autodidata sobre Redes Sociais e inovação; e Rômulo Avellar, consultor do Grupo Galpão e autor do livro "O Avesso da Cena".

    Dia 31/03, às 17h: "Cultura e Mercado: Novos Conceitos?".

    Com Marino Junior, ator, diretor e produtor teatral; João Leiva, economista (FEA-USP) com mestrado em cinema (ECA-USP), e fundador da J. Leiva Marketing Cultural; e Marcio Abreu, ator, diretor, dramaturgo e integrante da Companhia Brasileira de Teatro.

    Dia 01/04, às 11h: "Sustentabilidade e Prospecções da Mostra Fringe".

    Com Celise Helena Niero, gerente executiva do SESC - Paço da Liberdade e mestre em Sociologia pela Universidade Federal do Paraná; José Roberto Lança, diretor de planejamento da Fundação Cultural de Curitiba e mestre em Teatro pela Universidade Federal do Rio de Janeiro; João Filho e Francis Severino, da Casca Cia. de Teatro de Belo Horizonte, que se apresentará no Fringe.

     
voltar